VAMOS FALAR DO CLITÓRIS?

Como as mulheres crescem com uma educação castradora e não são permitidas a ter contato com sua região genital, muitas nem conhecem esse pequeno “iceberg”.

Porque chamei de iceberg? Porque quem o conhece, conhece apenas uma pequena parte dele, o que corresponde a algo entre 0,5 a 3,5 cm e tem o mesmo nome da ponta do pênis: glande ou cabeça.

Essa é a única parte visível do clitóris, mas ele é muito maior do que podem imaginar!

Tem um formato de Y de cabeça pra baixo com mais de 8 mil terminações nervosas e é justamente por isso que ele não pode passar despercebido.

A semelhança com o pênis não passa só por ai, os dois possuem a mesma quantidade de terminações nervosas que quando recebem informações de pressão e toque, o cérebro interpreta como dor ou prazer.

Acontece que o clitóris é muito mais sensível, pois as terminações nervosas estão mais concentradas em uma área menor que a glande do pênis.

O clitóris não é apenas este pequeno botão que vemos. Ele se curva para dentro do corpo como um bumerangue e também cresce quando há excitação.

Muitos homens enxergam o clitóris como o botão do prazer e por conta disso, em vez de acariciar usam de força e apertam. O que acontece? Ele se recusa a funcionar, não há a excitação, o fluxo sanguíneo não aumenta e o clitóris não cresce. Ele cresce? Isso mesmo! Ele pode dobrar de tamanho! Ele também tem ereção! A vulva fica mais inchada e lubrificada. 

Ah! Vamos deixar claro que Vulva é a parte externa e Vagina a parte interna. Ninguém ensina isto também.

Mais uma curiosidade. Não são só os homens que acordam no “ponto de bala”. As mulheres também! Estudos comprovaram que mulheres também tem “ereções noturnas” tanto quanto os homens.

Muitas novidades, não é?

Vai uma sugestão para as mulheres: Peguem um espelho, se observem com carinho, observem seu corpo e explorem cada pedacinho dele, sentindo cada detalhe até chegar ao clitóris. Vá sem medo, sem preconceito, apenas sinta! Se permita!

E se você que estiver lendo for um homem, quando estiver na presença de um clitóris, lembre que ele funciona igual a uma cantada: Se você se esforçar demais, não vai dar certo.

Eis um clitóris! Muito prazer!





Deixe um comentário, sugira um assunto. Vamos falar de Intimidades?




9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo